serviços

PREVENÇÃO

Defesa Civil e Sinfra monitoram áreas de risco em Imperatriz

Equipes atuam no riacho Bacuri, nas proximidades da BR 010, na avenida JK e no riacho Cacau

Publicado em: 27/01/2020 por Islene Lima

Superintendência de Defesa Civil

Defesa Civil e Sinfra monitoram áreas de risco em Imperatriz

Equipes da Prefeitura realizam trabalho de desobstrução na JK (Foto: Edmara Silva)

Para buscar soluções e amenizar os transtornos das chuvas que ocorrem com maior frequência nesse início de ano, a Prefeitura por meio da Superintendência Municipal de Proteção e Defesa Civil e a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Sinfra, está realizando limpezas, remoção de entulhos e drenagens profundas nos bairros e riachos da cidade.

Nas primeiras horas desta segunda-feira, 27, devido às fortes chuvas, o secretário da Sinfra, Zigomar Filho, realizou vistoria nos locais onde foram realizadas intervenções pela Prefeitura, incluindo a limpeza e aprofundamento do riacho Bacuri, resultando no fluxo normal d'água, na altura da Vila Mutirão, Rua 5, onde foi substituída manilha pela ponte de concreto, na Vila Ipiranga.

"Por determinação do prefeito Assis Ramos, que tem uma preocupação em resolver essa problemática de alagamento na cidade, fizemos esse serviço de limpeza, bem como o aprofundamento dos canais dos riachos. As ações estão surtindo efeito, apesar da forte chuva que ocorreu na madrugada", explica Zigomar.  

Foram vistoriados também os pontos críticos do riacho Cacau, que foram identificados pelo levantamento técnico realizado pelas equipes da Defesa Civil, Meio Ambiente e Sinfra, após os serviços de limpeza e aprofundamento do canal. 

O monitoramento preventivo ocorre em áreas de risco como riachos, bueiros e bairros com maior índice de alagamentos. Onde há necessidade de uma atenção maior, a Defesa Civil coloca sinalização indicativa de risco procurando medidas para solucionar o problema.

De acordo com o superintendente da Defesa Civil, Josiano Galvão, a precipitação de chuva do dia 26/01/2020 e 27/01, foi de 39,95 mm. “Temos pluviômetros automáticos instalados em quatro pontos da cidade, a chuva maior foi na Estação Pluviométrica da Secretaria de Saúde, no centro, ou seja, estamos monitorando tudo e desde já, queremos tranquilizar a população, mas também pedir a colaboração de toda a comunidade pois, a união faz a força, e se cada um ajudar jogando o lixo no lugar certo, certamente o período chuvoso será sem grandes transtornos”.

Vale ressaltar que a Prefeitura através do trabalho de recuperação dos pontos críticos do riacho Cacau, vem trabalhando com ações de mitigação como alargamento da calha e reabertura de novos canais do leito do Riacho referido, com a finalidade de diminuir os impactos das chuvas no bairro Parque Alvorada e bairros vizinhos que sofreram muito ano passado com as chuvas. "Temos uma preocupação maior com o Parque Alvorada I, mas graças a Deus conforme dados referentes a essa chuva de domingo e desta segunda, não houve registro de alagamento no bairro", explica Josiano. 

Dicas:

Diante das previsões de chuvas e ventos fortes, a Defesa Civil reforça as orientações para a população, em caso de alagamento se estiver de carro, a recomendação é que opte por rotas alternativas e evitem pontos de alagamentos. Se estiver parado e o local começar a encher, o motorista e os passageiros devem deixar o veículo e seguir para um local seguro. No caso dos motociclistas, a recomendação é não tentar atravessar vias alagadas, pois as mesmas podem esconder buracos que podem ocasionar quedas e outros acidentes.

 

serviços

Apaixone-se por Imperatriz