Saúde

COVID - 19

Prefeitura estrutura Centro de Referência Municipal para pessoas infectadas pelo novo coronavírus

A previsão é que a unidade comece a funcionar na próxima semana

Publicado em: 01/04/2020 por João Rodrigues

Secretaria de Saúde

Prefeitura estrutura Centro de Referência Municipal para pessoas infectadas pelo novo coronavírus

Os secretários Alair Firmiano(Saúde), e José Antonio(Administração e Modernização) acompanhados de técnicos visitam prédio que vai abrigar 50 leitos. (Foto: Kayla Pachêco)

Em continuidade às ações de enfrentamento ao novo coronavirus (Covid-19), a Prefeitura de Imperatriz vai ofertar nos próximos dias 10 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva, UTI, e, outros 40 leitos de isolamento para os pacientes infectados pelo vírus. A previsão é que essa estrutura comece a funcionar plenamente em 15 dias.

Equipes da área de engenharia da Secretaria Municipal de Saúde, Semus, já começaram os serviços de reformas e adaptações do antigo prédio do Hospital-Escola da Faculdade de Imperatriz, que vai sediar o Centro de Referência Municipal para os pacientes de Covid-19.

O titular da Semus, Alair Firmiano adiantou que o local será exclusivo para atender os 20% de pacientes contaminados que em algum estágio da doença vão precisar de internação hospitalar.

“Nós tínhamos pesando em hospital de campanha, mas diante das dificuldades então surgiu a possibilidade de conseguirmos o antigo hospital da Facimp. Conversamos com o proprietário, Dr. Antonio Leite, e deu certo”, frisou.

Alair Firmiano esteve no prédio por duas vezes, a primeira delas na segunda-feira, 30, acompanhado do secretário municipal de Administração e Modernização José Antônio Pereira e alguns técnicos para conhecer o local. Já nesta terça-feira, 31, levou engenheiros para iniciar o planejamento da revisão e adaptações do prédio localizado na Avenida Ceará, esquina com a rua São João, Nova Imperatriz.

Enquanto as equipes estiveram executando os serviços de revisões da parte elétrica, hidráulica e telhado, em outra frente serão providenciados os equipamentos de montagem das UTIs e leitos de isolamento.

“Nós já estamos providenciando os respiradores, mas um leito de UTI não se faz só com respirador, tem que ter o monitor, o cardioversor, a cama, vários equipamentos de entorno, além do pessoal e tudo isso estamos buscando”, destacou o secretário.

O Município de Imperatriz já está providenciando a aquisição de testes rápidos do novo coronavírus. A previsão é que estes tipos de exames sejam liberados no país a partir do dia 15 de abril.

Recursos

“Existem recursos federais para os leitos de retaguarda e leitos de UTIs, mas vamos montar com recursos próprios do município porque esses recursos federais ainda vão demorar um pouquinho para chegar e não podemos esperar”; explicou o secretário de Saúde, Alair Firmiano, acrescentando que o plano é manter o centro de referência pelo período de 6 meses ou até quando durar a pandemia de Covid-19.

“Colocamos 6 meses, mas pode ser antes, porque pode ser que antes disso se descubra uma vacina ou diminuam os casos de infectados e nem precise montar uma estrutura tão grande”, complementou.

A montagem dos leitos de UTIs e leitos de isolamento para infectados pelo novo coronavirus em Imperatriz é mais uma das ações que vem sendo implementadas pela gestão municipal em combate ao vírus. Recentemente, o prefeito Assis Ramos anunciou a convocação de médicos do último concurso para atuar neste momento de crise, inclusive infectologistas. 

Saúde

Apaixone-se por Imperatriz