Educação

INCLUSÃO

Primeira Escola Bilíngue e de tempo integral do Maranhão é da Rede Municipal de Imperatriz

Unidade aumentou em 70% a oferta de vagas após reforma

Publicado em: 17/02/2020 por Kalyne Cunha

Secretaria de Educação

Primeira Escola Bilíngue e de tempo integral do Maranhão é da Rede Municipal de Imperatriz

​​​​​​​Escola Municipal Professor Telasco Pereira Fialho é a primeira Escola Bilíngue do Maranhão e a segunda do país. (Foto: Patrícia Araújo)

Em agosto de 2019,  a Secretaria Municipal de Educação, Semed, implantou o sistema de tempo integral, na Escola Municipal de Educação Bilíngue para Surdos Professor Telasco Pereira Fialho, primeira do Maranhão e segunda do Brasil. Criada em 2012, instituição localizada no bairro São José do Egito, tem objetivo de atender demandas específicas de alunos surdos e com deficiências múltiplas, desde a Educação Infantil ao 5º ano do Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos, EJA.

Sobre as reformas que permitiram a implantação do sistema de ensino em tempo integral, o secretário municipal de Educação, José Antônio Pereira, fala sobre a satisfação em poder participar de um momento tão importante para os alunos. "Temos o prazer de participar da história da primeira escola bilíngue do Maranhão, com a reforma das instalações, ampliação da grade curricular e número de vagas, seleção de profissionais qualificados, compra de equipamento e material de trabalho”.

A gestora da escola e fundadora da Educação de Surdos, em 1986, na cidade, Maria Ivanilde Oliveira Santos, fala sobre as mudanças ocorridas na instituição. “Desde quando a escola foi criada, até hoje, foram muitos avanços. As ações desenvolvidas em nossa escola são sempre com muito carinho, trabalhamos com o surdo para que ele possa ser incluso no ensino regular com equidade na mesma condição do ouvinte".

A unidade é referência em educação inclusiva e após reforma efetuada, pela gestão do prefeito Assis Ramos, o funcionamento das atividades possibilitou a ampliação o currículo de Libras com atividades que estimulam habilidade, como aula de informática, reforço escolar, dança, música, teatro e esporte. O processo de aprendizado enfatiza o maior protagonismo à primeira língua do surdo, a Língua Brasileira de Sinais,Libras, e como segunda, a Língua Portuguesa.

Além da ampliação da grade curricular, a escola foi completamente reformada com salas climatizadas, Sala de Recursos com material didático adequado para o surdo, sala de artes com equipamentos de uso comum aos alunos, playground, quadra esportiva, banheiros adaptados e transporte escolar fornecido pela Semed.

Após reforma e com estrutura adequada para o novo sistema, a escola aumentou em 70% o número de vagas ofertados, passando de 70 para 120, atendendo alunos de Imperatriz e cidades vizinhas. A equipe pedagógica conta com uma fonoaudióloga que trabalha de forma conjunta com os professores para o acompanhamento dos estudantes e familiares.

Educação

Apaixone-se por Imperatriz