Assistência Social

FERRAMENTA

Novo sistema facilita acesso ao CadÚnico

Quarenta operadores do município foram recadastrados pela CAIXA

Publicado em: 09/07/2018 por Léo Costa

Secretaria de Desenvolvimento Social

Novo sistema facilita acesso ao CadÚnico

Operadores de Imperatriz em atuação com o novo sistema (Foto: Arquivo)

A Prefeitura de Imperatriz, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Sedes, passou a trabalhar, nesta segunda-feira, 9, com a nova versão de acesso do Sistema de Cadastro Único, disponibilizado, no último sábado, 7, pela Caixa Econômica, responsável pelo sistema do CadÚnico.

“Para ter acesso, 40 operadores do município passaram pelo processo de recadastramento”, destacou Zigomar Filho, secretário de Desenvolvimento Social.  Nessa data, os usuários másters cadastrados pela CAIXA já poderão inserir também na ferramenta os demais usuários habilitados pela prefeitura.

Objetivo do recadastramento foi reforçar a segurança de acesso ao sistema do CadÚnico e proteger operadores e os dados das famílias cadastradas contra fraudes e acessos indevidos. “A principal finalidade do governo federal, em parceria com estados e municípios, é garantir que o município tenha segurança de que só os usuários autorizados acessarão o sistema”, explica Junison de Souza, coordenador do Programa Bolsa Família.

Como é realizado pela internet, a equipe de segurança da Caixa Econômica fez um estudo e desenvolveu o novo sistema de autenticação de usuários, adotando o mesmo para o Cadastro Único.

Etapas - A nova versão exigiu o recadastramento de todos os operadores, usuários másters e finais, e o uso de um celular ou tablet para acessar o sistema com a autenticação em duas etapas. Em caso de fraude, mesmo que outra pessoa descubra a senha do usuário, ela não conseguirá fazer nada se não tiver acesso à segunda informação necessária para entrar no Sistema de Cadastro Único, que será gerada no smartphone do operador.

Cadastro Único

O Cadastro Único é um instrumento que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda, permitindo que os governos federal, estaduais e municipais conheçam a realidade socioeconômica dessa população. São registradas informações sobre as características da residência, identificação de cada ente da família, escolaridade, situação de trabalho e renda, entre outras.

Por meio do sistema é que o Governo Federal seleciona e inclui as famílias em programas como o Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida, isenção de taxa de inscrição em concursos públicos, Tarifa Social de Energia Elétrica, Bolsa Verde, além de programas ofertados pelos governos estaduais e municipais. O Cadastro Único funciona como uma porta de entrada para as famílias acessarem diversas políticas públicas.

A execução do Cadastro Único é de responsabilidade compartilhada entre o Governo Federal, os estados e os municípios. O Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) é o gestor responsável e a CAIXA o agente operador. O Cadastro Único está regulamentado pelo Decreto nº 6.135, de 26 de junho de 2007.

Fonte: CAIXA

Assistência Social

Apaixone-se por Imperatriz