Blog

Nossa Gente

Márlon Reis

Um dos idealizadores e relatores da Lei da Ficha Limpa

Publicado em: 20/07/2017 por Luana Barros

 

Advogado especialista em Direito Eleitoral e Partidário, com atuação nos Tribunais Superiores; Márlon Reis, 45 anos, é um dos idealizadores e reatores da Lei da Ficha Limpa.

Nascido em Pedro Afonso-TO, em 1969, Márlon é filho de Arlete Jacinto Reis e Dourival Alves dos Reis. Após ser feirante por quatro anos, formou-se em Direito pela Universidade Federal do Maranhão em 1993 e, em 1997, se tornou juiz de direito. Trabalhou e residiu em Passagem Franca, Riachão, Olho d'Água das Cunhãs, Alto Parnaíba e Itapecuru-Mirim. Em 2008, veio para a Comarca de João Lisboa, sendo autorizado pelo Tribunal de Justiça a residir em Imperatriz. É casado com Ana Lucrécia Bezerra Sodré Reis, também juíza de direito, titular da 1º Vara Cível de Imperatriz.

Em 2000 liderou em conjunto com magistrados e promotores de justiça do Sul do Maranhão, campanha contra a compra de votos e realizou grandes audiências públicas que ficaram conhecidas como "Comícios da Cidadania contra a Corrupção Eleitoral".

Idealizou e fundou, em 2002, juntamente com lideranças sociais, o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE). E, em 2004, recebeu o mais importante prêmio da magistratura brasileira ("Innovare - O Judiciário do Século XXI").

Em 2008, auxiliou a presidência do Tribunal Superior Eleitoral, onde idealizou e coordenou 1.500 audiências públicas, durante a “Campanha Eleições Limpas”. Um ano depois, foi considerado pela Revista Época, um dos 100 brasileiros mais influentes e, em julho de 2012, foi o único brasileiro selecionado para representar o Brasil em um encontro mundial sobre cidadania, direitos humanos e mobilização social, no estado da Califórnia, EUA.

Foi o primeiro juiz brasileiro a exigir divulgação antecipada dos nomes doadores de campanha eleitoral, durante eleições municipais, através do Provimento 1/2012. O que mais tarde se tornou determinação nacional, através de decisão da ministra Cármen Lúcia, presidente do Tribunal Superior Eleitoral. Em 2012, recebeu o Prêmio UNODC, outorgado pelo Escritório da Organização das Nações Unidas contra as Drogas e o Crime. Márlon já proferiu palestras no México, Malásia (Ásia), Tunísia (África) e Alemanha.

Este ano, recebe a Comenda Frei Manoel Procópio. 

Fonte: http://www.marlonreis.net

Nossa Gente

Apaixone-se por Imperatriz